Menu fechado

Campanha de doação garante kits de monitoramento para pacientes com Covid-19
Com as doações feitas pela plataforma Kickante, serão doados 80 kits com a Solução Biologix para diversas entidades

Graças a uma campanha de doação realizada pela plataforma digital Kickante, a startup Biologix doará 80 kits para monitorar pacientes infectados pela Covid-19.

Além da plataforma Kickante, essa campanha de doação envolve ainda a parceria com a Vivo, o Instituto Estater e o Hospital Israelita Albert Einstein. Os kits serão distribuídos para aldeias indígenas atendidas pelas Forças Armadas; comunidades com vulnerabilidade social acompanhadas pelo Instituto Estater, além de comunidades em São Caetano e na Capital (Paraisópolis e Jardim Olinda).

Receba conteúdo em primeira mão

O sistema Biologix realiza o monitoramento remoto de pacientes de risco com suspeita de Covid-19 ou com modos mais brandos da doença, acompanhando a evolução dos sintomas com segurança por meio de uma plataforma extremamente funcional, com parâmetros fisiológicos apresentados em tempo real: saturação de oxigênio (SpO2), frequência cardíaca (FC) e outros sintomas inseridos pelo paciente, como febre, tosse e mal-estar.

A solução envolve o oxímetro de alta resolução da Biologix, um aplicativo de celular gratuito (Android e IOS) que envia as informações de SpO2 e FC coletadas em tempo real para a nuvem e automaticamente para o painel de controle da equipe médica responsável pelo monitoramento.

Cada kit Biologix fruto da campanha de doação vem acompanhado ainda de um aparelho celular, que está sendo doado pela Vivo.

“A pandemia trouxe uma outra realidade, com novos desafios a serem enfrentados e superados. Por isso foi tão importante essa união de parceiros em um movimento para ajudar a salvar vidas”, afirmou o CEO da Biologix, Tácito de Almeida.

Sobre a Biologix

O fundador da empresa é o engenheiro eletricista e empreendedor serial Tácito de Almeida. Após vender sua empresa de monitoramento de máquinas agrícolas para uma multinacional americana líder mundial no setor, fundou a Biologix, em 2015. O objetivo foi trazer toda a tecnologia aprendida no setor agrícola para monitorar pacientes a distância e, para isso, Tácito buscou a expertise do Prof. Dr. Geraldo Lorenzi Filho, pneumologista e especialista em Medicina do Sono, professor associado da Faculdade de Medicina da USP e Diretor do Laboratório do Sono do InCor.  

A Biologix conta, hoje, com uma equipe de 22 funcionários e já recebeu dois aportes PIPE fase III da Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo). No final de 2019, a Biologix recebeu um aporte de um grupo de médicos, bem como do Hospital Israelita Albert Einstein.

Saiba mais sobre a nossa solução aqui.

Mais informações à imprensa

Biologix | Rossi Comunicação

Joselani Soares | (12) 98129-3655

Valéria Rossi | (11) 9 9348-8562

Veja também

Receba o contato do nosso consultor