Menu fechado

Instruções

O Exame do sono Biologix é uma polissonografia tipo IV com polissonogramas, no qual são avaliadas 4 variáveis fisiológicas: 

Frequência Cardíaca

Saturação de Oxigênio

Ronco

Movimento

através de 3 canais: oximetria, microfone do celular e actímetro.

A análise, feita por um algoritmo proprietário validado clinicamente através de pesquisa realizada no laboratório do sono INCOR (Instituto do Sono SP), pontua todas as dessaturações de pelo menos 3% da linha referência base, calculando tanto o índice de dessaturações quanto o tempo que o paciente passa com saturação abaixo de 90%, dentre outros.

Estudo de validação da solução Biologix

Realizado no Instituto do coração (Incor) da FMUSP, com dados de 304 pacientes voluntários, fazendo polissonografia tipo I e tipo IV (exame do sono Biologix) ao mesmo tempo.

  • Conclusão: solução Biologix é um método confiável para diagnóstico de apneia obstrutiva do sono e determinação da severidade desta doença.
  • Fundamentos da conclusão: a Academia Americana de Medicina do Sono sugere o uso de queda de 3% ou 4% na dessaturação de O2 como critério para definição de hipopneia. Existe uma variabilidade no resultado obtido com esses dois valores, que é maior do que a encontrada entre o resultado da solução Biologix e a polissonografia padrão outro tipo I. 
  • Desta forma mostramos que o exame Biologix tem extrema acurácia e alta sensilbilidade a especificidade.

95,1%

Sensibilidade

80,2%

Especificidade

90,1%

Acurácia

90,6%

Valor preditivo positivo

89,0%

Valor preditivo negativo

9,7

Razão de probabilidade positiva

0,1

Razão de probabilidade negativa

0,95

Área sob a curva

A Oximetria Noturna já é uma prática utilizada há muito tempo em diferentes regiões do mundo e considerada ferramenta adequada para avaliação de Apneia obstrutiva do sono.

Receba o contato do nosso consultor