Menu fechado

Artigo do New York Times reforça a importância do oxímetro no monitoramento de pacientes com Covid-19
Monitoramento remoto da saturação do oxigênio

importancia-de-monitoramento-de-pacientes-com-covid19-covid-19-epidemia-pandemia2020
  • Monitoramento remoto da saturação de oxigênio contribui para prognóstico positivo do paciente
  • De acordo com especialista, pneumonia causada por coronavírus é de difícil detecção

Um artigo do New York Times, escrito no dia 20 de abril de 2020 pelo Dr. Richard Levitan, médico especialista em intubação de pacientes, relatou a sua experiência nos Estados Unidos com pacientes vítimas de pneumonia causada pela Covid-19 e reforçou a importância do trabalho realizado pela Biologix.

De acordo com o médico, surpreendentemente, alguns pacientes não relataram nenhuma sensação de problema respiratório, apesar dos raios X do tórax mostrarem pneumonia difusa e o oxigênio estar abaixo do normal. Dessa forma constatou-se que a pneumonia causada por Covid-19 gera inicialmente, a queda do oxigênio, chamada de “hipóxia silenciosa” por ser de natureza traiçoeira e de difícil detecção. Esses pacientes já sentiam os sintomas há dias, mas a falta de ar aconteceu somente no dia em que procuraram atendimento médico, já em estado crítico.

Receba conteúdo em primeira mão

“Nos meus 30 anos de prática, sempre vi que a maioria dos pacientes que necessitam de intubação de emergência estão em choque. Os casos de Covid-19, porém, são muito diferentes. A grande maioria dos pacientes com o vírus que conheci, tinham um sofrimento relativamente mínimo, apesar dos níveis perigosamente baixos de oxigênio e da terrível pneumonia apresentada nas radiografias do tórax”, escreveu o Dr. Richard Levitan.

Com base nesse cenário, o especialista levanta uma importante reflexão em seu artigo sobre o uso de um produto que já é utilizado pela Biologix no Brasil: um oxímetro.

“Existe uma maneira precoce de identificarmos pacientes com pneumonia por Covid-19 e tratá-los com mais eficácia. E não seria necessário aguardar um teste de coronavírus em um hospital ou consultório médico. Trata-se da detecção da hipóxia silenciosa através de um dispositivo médico comum, que pode ser adquirido sem receita médica na maioria das farmácias: um oxímetro de pulso”.

Dr. Levitan diz que utilizar um oxímetro não é mais complicado do que usar um termômetro.

“Esses pequenos dispositivos são colocados na ponta do dedo. Em alguns segundos, dois números são exibidos: saturação de oxigênio e taxa de pulso. Os oxímetros são extremamente confiáveis na detecção de problemas de oxigenação e batimentos cardíacos elevados.”

Dessa forma, ainda segundo Dr. Levitan, o paciente poderia usar o oxímetro em casa ou ir até uma clínica fazer a medição, o que promoveria alertas ao sistema de saúde sobre problemas respiratórios mais graves de seus pacientes. O especialista ressalta que todos os pacientes com Covid-19 deveriam dispor de um oxímetro, mesmo os que ainda não têm o diagnóstico, mas estão com sintomas.

No Brasil, a Biologix possui um oxímetro de alta resolução que está sendo utilizado por diversos hospitais e/ou médicos no controle remoto da saturação de oxigênio dos pacientes que testaram positivo ou com suspeita da Covid-19. Seu uso pode ser um preditor para a evolução da doença e a central pode monitorar um número ilimitado de pacientes. O monitoramento é feito via aplicativo de celular, que recebe as informações de saturação de O2 e frequência cardíaca, coletados pelo oxímetro colocado no dedo do paciente.

Todas as informações são enviadas pela internet, automaticamente e em tempo real para a central clínica responsável pelo paciente, possibilitando uma intervenção precoce por parte da equipe médica.

 O artigo publicado pelo New York Times comprova os benefícios do oxímetro, que monitora o paciente, permite o tratamento preventivo, protege os profissionais da saúde e salva vidas.

Para ler o artigo na íntegra, clique AQUI.

Saiba mais sobre o Monitoramento de Sinais Clínicos da Biologix, fale com um de nossos consultores aqui.

Baixe gratuitamente o e-book:

Veja também

Receba o contato do nosso consultor