Menu fechado

Hipogonadismo Masculino e Apneia do sono
Entenda qual a conexão da apneia do sono e o Hipogonadismo

O hipogonadismo ocorre quando o homem produz pouca testosterona, o principal hormônio masculino. A redução deste hormônio pode estar associada ao envelhecimento, sendo chamada também de distúrbio androgênico do envelhecimento masculino (DAEM) ou de andropausa, embora este último termo não seja o mais adequado. Cerca de um em cada cinco homens (20%) pode ter hipogonadismo após os 40 anos

As principais queixas se caracterizam pela diminuição do desejo sexual, irritabilidade, aumento da gordura abdominal, diminuição da ereção matinal, infertilidade , diminuição da massa e força muscular, reduzindo a disposição para a realização de atividade física, fraturas, diminuição da performance cognitiva, sintomas depressivos, insônia e diminuição da sensação de bem estar geral.

Receba conteúdo em primeira mão

A síndrome da apneia/hipopneia obstrutiva do sono (SAHOS) é um distúrbio respiratório relacionado ao sono altamente prevalente, afetando cerca de 4% dos indivíduos adultos do gênero masculino e 2% dos do gênero feminino. Homens com síndrome da apneia obstrutiva do sono (SAOS) podem apresentar diminuição dos níveis de testosterona devido à hipóxia.

Segundo o estudo de MOLINA,2019, uma correlação foi demonstrada entre a gravidade da apneia do sono e níveis de testosterona, isto é, quanto maior a SAHOS, menor o nível de testosterona, indicando que a gravidade da apneia estava relacionada com a diminuição da secreção da testosterona na SAHOS.

No início do sono a concentração plasmática de testosterona é baixa sendo que os níveis máximos ocorrem nas primeiras horas da manhã. Seu aumento noturno parece estar relacionado com a latência para o primeiro episódio do sono REM (Rapid Eye Movement) e aos ciclos REM/NREM. O pico dos níveis de testosterona coincide com o início do sono REM. Além disso, a elevação relacionada ao sono dos níveis da testosterona em homens jovens está associada ao início do primeiro episódio do sono REM da noite.

A relação entre o perfil sérico da testosterona matinal e a obesidade pode ser responsável pela supressão central da testosterona nos pacientes.

Portanto, o screening de apneia deve fazer parte da avaliação em pacientes com hipogonadismo, sendo a oximetria noturna de alta resolução uma excelente opção, por ser uma ferramenta prática para esse grupo de pacientes.

Por Dr. Diógenes Freire – Médico
CRM 4231-SE
Instagram:@drdiogenesfreire
Site http://drdiogenesfreire.com/

A Biologix oferece uma plataforma online que permite que profissionais de saúde ofereçam a seus pacientes um exame de apneia do sono simplificado e de baixo custo. A solução é baseada em sensores vestíveis, aplicativos e computação na nuvem.

É de extrema importância o diagnóstico da Apneia Obstrutiva do Sono (AOS) utilizando a polissonografia como método. Uma opção é o Exame do Sono Biologix, uma polissonografia tipo IV, um exame para se fazer em casa, simples, prático e eficaz, sem a necessidade de dormir em um laboratório do sono.

Saiba mais sobre a nossa solução aqui.

Baixe gratuitamente o e-book:

Veja também

Receba o contato do nosso consultor