Menu Close

Category: Health Professional

Menopausa e Síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono
Entenda como o sono da mulher é afetado na menopausa

A insônia é o distúrbio de sono mais frequente na pós-menopausa, em decorrência de alterações hormonais, estados depressivos relacionados a este período da vida. As mulheres nessa fase apresentam maior latência para o sono, dificuldade de manutenção do sono e, portanto, mais insônia, quando comparadas àquelas na pré-menopausa. Shaver e Zenk relatam que os distúrbios do sono no climatério estão relacionados a sintomas como ondas de calor e transpiração, os quais ocorrem em geral simultaneamente.

Hipogonadismo Masculino e Apneia do sono
Entenda qual a conexão da apneia do sono e o Hipogonadismo

O hipogonadismo ocorre quando o homem produz pouca testosterona, o principal hormônio masculino. A redução deste hormônio pode estar associada ao envelhecimento, sendo chamada também de distúrbio androgênico do envelhecimento masculino (DAEM) ou de andropausa, embora este último termo não seja o mais adequado. Cerca de um em cada cinco homens (20%) pode ter hipogonadismo após os 40 anos

Contribuições da fisioterapia em DTM e dor orofacial e sua relação com o sono ⠀⠀
Entenda o que é DTM e sua relação com o sono

Queixas como cefaleia matinal, dor na região das têmporas e cervical são comuns associadas a dores na região da articulação temporo mandibular e cavidade oral em pacientes que apresentam DTM (distúrbios temporo mandibulares). ⠀⠀

DTM seria, portanto, o conjunto de sinais e sintomas manifestados devido a alterações no sistema estomatognático associados a desequilíbrio funcional. ⠀⠀

Diabetes mellitus e Apneia Obstrutiva do Sono
Saiba as consequências da apneia do sono no metabolismo

A relação entre diabetes mellitus e distúrbios do sono já está bem estabelecida, como é o caso da apneia obstrutiva (paradas respiratórias devido à interrupção física na passagem de ar para os pulmões). Existindo diversos estudos que demonstram o seu impacto no metabolismo da glicose e na regulação do apetite. Os motivos parecem muitos e entre eles estão: maior oportunidade para se alimentar excessivamente enquanto acordado, alteração no perfil e nos níveis de hormônios responsáveis pelo apetite e pela saciedade (destacam-se a grelina e a leptina), e ativação de mecanismos de estresse, como o sistema nervoso simpático e a liberação de hormônios hiperglicemiantes em quantidade e horário inesperados

Sarcopenia e Apneia do Sono
Sarcopenia e Apneia entenda a relação

A apneia do sono e sarcopenia são comuns entre adultos mais velhos, principalmente após os 50 anos, período em que decorre um declínio de várias funções metabólicas e hormonais importantes tanto para o aparecimento da sarcopenia como dos distúrbios do sono. Ambas aumentam com a idade e podem levar a diminuição de atividade física, além de resultar em eventos adversos para a saúde semelhantes como deficiências funcionais, má qualidade de vida e morte.

Apneia do Sono e Obesidade
Entenda a relação entre a apneia e a obesidade

A OMS (Organização Mundial de Saúde) afirma: a obesidade é um dos mais graves problemas de saúde que temos para enfrentar. Em 2025, a estimativa é de que 2,3 bilhões de adultos ao redor do mundo estejam acima do peso, sendo 700 milhões de indivíduos com obesidade, isto é, com um índice de massa corporal (IMC) acima de 30. No Brasil, essa doença crônica aumentou 67,8% nos últimos treze anos, saindo de 11,8% em 2006 para 19,8% em 2018.

Em ano de pandemia, exames do sono Biologix crescem 236%
O número de exames de janeiro a julho de 2019 foram 2.063; este ano, no mesmo período, saltou para 6.932

A pandemia da Covid-19 trouxe um relato muito comum nas conversas do dia a dia: dificuldades para dormir. Esses distúrbios do sono podem ser uma das explicações para o registro de aumento de 236% nos exames Biologix este ano. O diferencial da Biologix é que o paciente não precisa ir até um laboratório, sendo monitorado em sua própria casa.

Receba o contato do nosso consultor