Menu Close

Categoría: Paciente

Sono e Direção
Direção e sono não combinam!

A frase “sono pode matar”, pode ser familiar para algumas pessoas. O cansaço é inimigo invisível dos motoristas brasileiros, causando 42% dos acidentes que ocorrem todos os anos no trânsito, segundo pesquisa de 2019 da Associação Brasileira de Medicina de Tráfego (ABRAMET), Academia Brasileira de Neurologia (ABN) e o Conselho Regional de Medicina (CRM). Para se ter uma ideia, dirigir com sono ou sinais de fadiga é considerada uma prática tão perigosa quanto dirigir alcoolizado ou sob o efeito de substâncias estimulantes.

Jet Lag – Distúrbio Temporário do Sono
Saiba o que é Jet Lag

Você já fez uma viagem internacional e sofreu com o fuso horário? Demorou para se adaptar à nova rotina? Se a resposta for “sim”, saiba que provavelmente você sofreu os desconfortos típicos do Jet Lag, distúrbio temporário do sono. Esse companheiro de viagens é completamente normal e pode aparecer mais forte para algumas pessoas do que para outras. Quanto maior a diferença de horário de onde você mora para o destino da viagem, maiores as chances de sofrer com esse desconforto.

Atividade física e sono: qual a relação
Atividades físicas regulares podem ajudar a combater distúrbios do sono

Os distúrbios do sono afetam cerca de 45% da população mundial. Noites mal dormidas reduzem a concentração, diminuem a produtividade e podem causar doenças como hipertensão e diabetes. A boa notícia é que é possível combatê-los com uma rotina de exercícios físicos. Cerca de 10 minutos diários de atividades aeróbicas como corrida, pedalada ou mesmo caminhadas já são suficientes para evitar distúrbios do sono. Continue lendo para saber tudo sobre o assunto!

Seis meses de pandemia: ronco, apneia e distúrbios do sono mais evidentes
Convivendo mais tempo juntas na quarentena, famílias estão percebendo mais problemas ligados à qualidade do sono

E lá se vão seis meses desde que a pandemia de Covid-19 chegou ao Brasil. Nesse período de quarentena, muitas famílias passaram a ficar mais tempo juntas em casa, e alguns “efeitos colaterais” dessa convivência mais intensa começaram a surgir, como os distúrbios do sono. As reclamações sobre familiares que sofrem de ronco e apneia cresceram, como é possível verificar com o aumento da telemedicina para exames do sono em casa.

Você será redirecionado ao Whatsapp.
Por favor, selecione uma das opções abaixo:

Receba o contato do nosso consultor